Nova pagina 2

 

 
Nova pagina 2

Principal   

Quem somos   

Últimas notícias   

Eventos   

Notícias da Saúde   

Artigos da Saúde   

Notícias da Enfermagem   

Vestibulares   

Instituições de Ensino   

Cursos e capacitações   

Concursos em Destaque   

Calculadoras   

Links Interessantes   

Terminologias   

Pesquisas e Estudos   

Biblioteca Virtual   

Enfermagem   

Biológicas e da Saúde   

Pós-Graduação   

Idiomas   

Áreas de Atuação   

Conselhos   

Enfer. em Saúde Pública   

Enfermagem do Trabalho   

Artigos   

Monografias   

Teses e Dissertações   

Leis,   
Decretos e Resoluções   

Código de Ética   

 
Nova pagina 2
   | 1 enfermeiros on-line

Concursos!  

  Notícias da Enfermagem
Acadêmicos de Enfermagem levam alegria a doentes hospitalizados - MG


Ao invés de jaleco e roupa branca, nariz de palhaço, chapéus coloridos e maquiagem no rosto. É assim o novo uniforme dos acadêmicos que participarão do projeto de extensão “Clínica do Riso”, do curso de enfermagem, em parceria com hospital em Montes Claros / MG.


O projeto, que começa a ser implementado neste mês de abril, tem como objetivo utilizar a arte como instrumento da enfermagem na assistência à criança/família hospitalizada. O programa, segundo o coordenador Roberto Albuquerque, também trará subsídios importantes para a equipe de saúde, por meio de atividades lúdicas que resgatam o riso, a diversão e diminuem o estresse do ambiente hospitalar.

Ainda de acordo com o professor Albuquerque, o riso pode ser um fator primordial para a recuperação da saúde de crianças internadas.


- Ao nos vestirmos de palhaço, nos tornamos um especialista na arte de se relacionar com o ser humano. Podemos captar e interagir com o momento e com a necessidade de cada criança visitada em seu ambiente hospitalar, além de resgatar a espontaneidade do processo expressivo dessa criança, valorizando a criatividade e a capacidade empática, enfatiza o coordenador.


Com uma equipe composta por 16 acadêmicos do curso de enfermagem, a “Clínica do Riso” trará a oportunidade de descobrir uma nova maneira de perceber e de se relacionar com a criança internada.


- Vamos resgatar a “arte do cuidar”, com um olhar mais sensível, humano, bem como o fortalecimento das redes sociais em torno do cuidado. Sorrir não faz mal a ninguém, ainda mais em um ambiente tão estressante quanto o hospital. Portanto, não se assuste se alguém chegar para você com o diagnóstico: o sorriso é contagioso, conclui o coordenador Roberto Albuquerque.


Fonte: O Norte de Minas



 Este conteúdo foi visitado 1082 vezes.  

<< Voltar para a página anterior...
Livros - Submarino.com.br
Nova pagina 2

Nova pagina 2
 
 
 


Acompanhe nosso RRS

 

 

 
Nova pagina 2